Dica da Nutri Open 2019

Na contagem regressiva para o início Open 2019, a palavra que melhor definirá as próximas 5 semanas será INTENSIDADE. Os participantes doam o melhor de si na busca por um bom resultado na classificação geral e isso exige muito mais do corpo o que nos leva a voltar atenção especial para inúmeros fatores.

A nutrição terá um papel fundamental para melhorar a energia no WOD além de acelerar a recuperação muscular. Os wods do Open geralmente exigem uma alta demanda metabólica do organismo, portanto adequar o seu estoque de glicogênio (reserva de energia) é fundamental para garantir uma boa performance.Para otimizar o rendimento, a ingestão de carboidrato é fundamental para favorecer a produção de energia para o WOD e de proteína e carboidrato para a sua RECUPERAÇÃO.

Treinos intensos pedem também um consumo maior de vitaminas e minerais com ação antioxidante e antinflamatória para auxiliar na remoção dos radicais livres produzidos durante o exercício. Esses nutrientes estão presentes nos vegetais (frutas, legumes, hortaliças), chá verde, gengibre, pimenta, cacau e auxiliam a reduzir o risco de lesões articulares e dor tardia pós-exercício.

Lembre-se que precisamos dar o combustível adequado para a intensidade da competição!

Boas estratégias para serem consumidas antes dos WOD’s: frutas frescas ou secas, aveia, tapioca, cuscuz de milho, açaí ou raízes cozidas como: mandioca, inhame, beterraba e batatas. Dependendo do horário em que for realizado o WOD também podemos pensar (pela praticidade) em suplementos de carboidratos em pó ou géis.

A recuperação muscular ocorre por váriashoras seguintes (e até dias) após uma sessão de treino, portanto para otimizar o processo,aposte no consumo de alimentos fonte de carboidratos e proteínas: ovos, iogurtes ou suplementos proteicos em pó wheyprotein ou veggieprotein. Evite a ingestão de bebidas alcoolicas por pelo menos 48hs e mantenha um fracionamento de carboidratos e proteínas em todas as refeições após o WOD.

Outros pontos fundamentais:
SONO – organize-se para favorecer um sono de qualidade – ele é responsável por 1/3 da sua performancefísica. É durante o repouso que recuperamos as fibras musculares e modulamos hormônios. Chás como melissa, camomila, passiflora, valeriana ou mulungu induzem à relaxamento e melhoram a qualidade do sono.

HIDRATAÇÃO – mantenha hidratado antes e depois dos WOD’s. A desidratação pode interferir muito na sua performancee quantidade média diária indicada é 35mL/kg/dia ou seja, se você pesa 80kg deve ingerir 2,8Lt de água/chás e/ou sucos ao dia. Já falamos sobre isso em post anterior (confere lá)!

Evite mudar os hábitos e/ou estratégias alimentares habituais para não trazer prejuízos na performance.

Bom OPEN à todos!

Dra. Angelina Zapponi Nutricionista – CRN3 13685
Nutricionista clínica e esportiva funcional
Membro do Instituto Brasileiro de Nutrição Funcional
Email: [email protected]
Instagram @nutriangelinazapponi

2019-03-12T20:58:14-03:00março 12th, 2019|nutrição|0 Comments

Leave A Comment